“O SLB terá sempre um lugar guardado no meu coração”

0
2314

“Não vos quero convencer de nada, não me quero justificar de nada, nem me desculpar de nada! Apenas dizer que foi uma honra para mim envergar a camisola do Sport Lisboa e Benfica”.

É assim que Nelson Évora se despede de 12 anos no clube da Luz. O agora atleta do Sporting Clube de Portugal colocou um texto nas redes sociais em que justifica a mudança de clube e onde pretende esclarecer os comentários que surgiram depois da apresentação do atleta aos adeptos durante o jogo Sporting – Tondela, este sábado.

O atleta compara o fim do seu elo ao SLB com uma relação amorosa que não funcionou, “Quantos de nós já pensámos que gostamos de alguém para sempre e as coisas de facto não resultaram? Quantas relações acabam com as pessoas a gostarem uma da outra, mas não se entenderam em relação aos objectivos comuns? Muitas!”.

Évora que foi campeão olímpico de triplo salto, em 2008, escreveu também que “era um atleta livre no mercado quando assinei pelo Sporting”.

No dia a seguir a esta publicação, foi publicada no Expresso uma entrevista ao ex-treinador do atleta, João Ganço que acrescenta um novo episódio à novela do atleta desde o fim dos jogos Rio2016.

“Eu é que quis deixar de treinar Nelson Évora”

O ex-treinador contou ao Expresso que decidiu deixar de treinar o atleta após uma entrevista em que Nelson Évora criticou o plano de treinos durante os Jogos e que Ganço sentiu como uma quebra de confiança.

A decisão foi minha. Achei que foi uma falta de respeito fazer aquele tipo de declarações sem falar comigo antes. Decidi logo ali que não o treinava mais, mas não lhe disse na altura porque ainda tinha dois meetings para disputar e não queria perturbá-lo”

A decisão foi tomada após a final de triplo salto em que o ex-campeão olímpico saltou até sexto lugar. O novo atleta do SCP vai agora para Espanha para treinar com Ivan Pedroso, após 12 anos no Benfica e 25 sobre o treino de João Ganço.

Deixar Resposta