Quenianos invadem as ruas do país para comemorar feito de Kipchoge

0
558

quénia8Pela primeira vez na história, um ser humano conseguiu completar uma maratona em menos de duas horas. Eliud Kipchoge vai ficar para sempre na história ao ter cortado a meta hoje em Viena, em 1h59m40s.

 

 

quénia 3O feito foi acompanhado por milhares de pessoas nas ruas das principais cidades do Quénia. Com écrans gigantes espalhados por vários pontos, o povo pôde assistir à prova e vibrar com o feito. Quem não soubesse o que se passava era capaz de pensar que o Quénia se tinha sagrado campeão do mundo em futebol.

quénia 1– “Estou muito feliz, não só por mim, mas pelo Quénia, pois pude colocar o meu país no topo do mundo. Sei que muitas pessoas pararam para me acompanhar, seja pela TV ou internet e isso deixa-me ainda mais contente. Hoje sou um homem realizado, porque pude comprovar que não há limites para o corpo humano” – afirmou Kipchoge na conferência de imprensa em Viena.

quénia 2Mal terminou a prova, o Quénia entrou em festa. Nas ruas da capital Nairobi, houve quem se pintasse com o nome do atleta e com a histórica marca de 1h59m40s. Durante o percurso, vários quenianos foram vistos a rezar para que Kipchoge alcançasse o feito. O Quénia tem uma população de aproximadamente 50 milhões de habitantes e é um país muito pobre.

quénia 7– “Corri com uma pressão muito grande porque o evento foi organizado com o objetivo da quebra da marca. Antes da prova, recebi telefonemas do presidente do Quénia e de deputados, todos encorajando-me a procurar a marca”, disse Kipchoge.

Deixar Resposta