Sporting regressa à Taça dos Campeões Europeus de Corta-Mato… 19 anos depois

0
2263

Vencedor 14 vezes entre 1977 e 1994, o Sporting teve a sua última presença na Taça dos Clubes Campeões Europeus de Corta-Mato em 1998 (foi 2º), ou seja, há 19 anos. Regressa este domingo para a sua 20ª presença, no Algarve (Açoteias), na 54ª edição da competição.

A Conforlimpa (em 2011) foi a última formação portuguesa vencedora. Seguiram-se os espanhóis do Bikila (2012, 2013 e 2014) e Guadalajara (2015) e, surpreendentemente, os franceses do Alès Cévennes (2016). O Benfica foi o representante português nos últimos três anos, sendo 2º em 2014, 4º em 2015 e 5º em 2016. A pior classificação foi no ano (2016) em que a competição foi mais acessível, mas a neve na Turquia “enregelou” os atletas do Benfica, cujo melhor elemento (Ricardo Ribas) foi apenas 13º.

Na edição deste ano, que foi englobada no 40º Cross das Amendoeiras em Flor, estão inscritas 21 equipas e há a registar o regresso dos espanhóis do Atletismo Bikila e a presença de duas equipas francesas (entre as quais a campeã de 2016) e duas turcas (Istambul BBSK, segundo há um ano, e Galatasaray). Não se apresenta fácil a tarefa do Sporting, apesar do reforço do argelino Aboud Rabah e da boa forma de Hélio Gomes, especialista de 1500 m que se começou a dedicar com êxito à estrada mas deverá sentir mais dificuldades no crosse. Os restantes sportinguistas ainda não se “mostraram” esta época. No Campeonato de Portugal de 2016 – também realizado nas Açoteias, integrado no Cross das Amendoeiras – o melhor foi Rui Teixeira (3º) mas falta Hermano Ferreira (5º).

Na competição feminina (16 equipas), na qual o Benfica está inscrito mas não deve comparecer (estão apenas quatro atletas na lista de partida), a formação turca do Uskudar Beledye dominou amplamente nas duas últimas épocas e deverá voltar a ganhar.

Benfica (masculinos) e Várzea (femininos) são as equipas juniores portuguesas. Há um ano, o Benfica foi quarto (entre cinco equipas) e o CDUL foi sétimo (em oito). Este ano, estão inscritas 14 equipas masculinas e 12 femininas. O Benfica foi campeão júnior em 2012 e 2013 e o Várzea foi segundo em 2009 e 2012. Lugares no pódio, agora, já será bom.

Deixar Resposta