Subiu para 59 o número de atletas com mais de 50 maratonas/ultramaratonas

0
2077

Em Junho, houve dois atletas que fizeram cada um, três ultramaratonas!

António Belo já divulgou a lista atualizada dos atletas portugueses com mais de 50 maratonas/ultras em 30 de Junho.

Depois de termos divulgado a lista anterior em Maio, houve quatro atletas que se manifestaram, afirmando que também eles já tinham atingido o número em causa. Mas apenas dois deles regularizaram os seus dados junto de António Belo. Foram eles António Sousa e Luís Conceição.

Como é evidente, este meritório trabalho de Belo, nunca é um trabalho acabado. Em cada cantinho deste país, pode haver um atleta incógnito com mais de 50 maratonas/ultras. Como chegar a ele? Basta contatá-lo diretamente ou através do site da Revista que faremos posteriormente, o devido encaminhamento.

Divulgamos seguidamente o Regulamento para fazer parte da lista:

REGULAMENTO – Portugueses que concluíram, pelo menos, 50 Maratonas e Ultras
Contabilizar uma maratona ou ultra implica, a nosso ver, ter concluído uma prova oficial na distância de 42,195 km ou superior, numa só etapa. Quando dizemos “oficial” queremos dizer uma prova certificada e acreditada e, sobretudo, um resultado que qualquer um possa confirmar pela consulta das classificações publicadas na net (blogs, sites, etc.) ou fornecidas pelos organizadores da prova. Assim, quem tenha participado numa prova de 100 km e desistido após percorrer 89 km, não deve contabilizar essa prova. O mesmo se aplica a hipotéticos treinos de, por exemplo, 50 ou 60 km. São treinos que qualquer ultra-maratonista tem que cumprir, mas que não devem ser contabilizados como “provas”.
Quanto a ser “Português”, não é nosso propósito aprofundar tal definição, e, por isso, consideramos nesta lista todos os que, há décadas, vivem e correm entre nós.
Estamos certos que todos os candidatos cumprirão os critérios alinhavados, pois, não haverá qualquer razão para que tal não se verifique. Não há prémios nem pódios! Para que este quadro cresça, como esperamos, contamos com a colaboração de todos.

Três ultramaratonas num só mês!

Em Junho, houve dois atletas que fizeram três ultramaratonas! Foram eles, Hélder Pinto que totalizou 208 km e Ana Paula Santos, com 173 km.

Hélder Pinto:Ultras de Santana (56 km), Lousã (52 km) e Serra da Freita (100 km)

Ana Paula Santos: Santana (56 km), Lousã (52 km) e Serra da Freita (65 km)

Hélder Tomé: Ultra Melides-Tróia (43 km)

Carlos Silva: Ultra Serra Amarela (50 km)

Augusto Oliveira: Ultra Lavaredo (4120 km)

Corredores com mais de 50 maratonas e ultras – 30-06-2018
Nome Marat. Ultras Total % de Ultras Ano da 1ª marat. Melhor tempo 42 km Prova + longa
Álvaro Pinto 39 27 66 40,9 2005 3.16.03 160
Alzira Lario 64 33 97 34,0 1991 2.42.51 246
Ana Paula Santos 22 65 87 74,7 2007 3.46.10 115
Aníbal Godinho 35 26 61 42,6 1986 2.34.07 204
António Belo 66 17 83 20,5 1982 2.52.20 102
António Oliveira 45 21 66 31,8 1999 3.05.00 101
António Sousa 45 7 52 13,5 1994 2.13.00 69
Armando Aldegalega 64 0 64 0,0 1962 2.20.01 42
Augusto Oliveira 9 74 83 89,2 2011 2.59.03 338
Carla André 11 50 61 82,0 2011 3.52.00 217
Carlos Fonseca 32 44 76 57,9 1997 2.58.30 160
Carlos Natividade Silva 14 39 53 73,6 1993 3.02.13 168
Célia Azenha 87 134 221 60,6 2001 4.04.35 333
David Faustino 40 118 158 74,7 2008 3.11.53 281
Domingos Pão Duro 49 2 51 3,9 1990 3.17.50 52
Domitilia dos Santos 260 4 264 1,5 1991 3.59.44 162
Douglas Fry 54 17 71 23,9 1998 3.07.00 60
Eduardo Ferreira 10 62 72 86,1 2008 3.49.02 173
Fernando Alcides 19 42 61 68,9 2005 3.22.30 176
Fernando Andrade 63 16 79 20,3 1983 3.03.15 50
Fernando Morais Santos 36 56 92 60,9 2006 3.33.36 146
Fernando Rocha 40 16 56 28,6 1997 3.07.14 101
Francisco Bossa 14 56 70 80,0 2011 3.18.16 111
Geraldino Silva 58 0 58 0,0 2006 3.13.47 42
Hélder Pinto 14 58 72 80,6 2011 3.43.00 170
Hélder Tomé 17 40 57 70,2 2008 3.53.00 146
Isabel Moleiro 33 102 135 75,6 2009 3.17.59 281
João Cabeleira 60 16 76 21,1 2011 3.06.26 89
João Godinho Mendes 47 18 65 27,7 2012 3.42.53 89
João Oliveira 63 72 135 53,3 2001 2.49.19 895
Jorge Alexandre Esteves 27 36 63 57,1 2011 3.52.00 144
Jorge Mimoso 37 53 90 58,9 2003 2.54.00 333
Jorge Serrazina 49 93 142 65,5 2004 2.59.53 895
José Carlos Costa 52 6 58 10,3 2001 3.25.29 100
José Carlos Fernandes 30 48 78 61,5 2003 3.28.28 146
José Carlos Pereira 65 22 87 25,3 1994 3.22.00 100
José Carlos Sousa 74 70 144 48,6 2005 2.58.30 111
José Rosa 20 46 66 69,7 2015 4.12.18 105
José Valentim 60 12 72 16,7 1996 2.54.00 121
Luís Conceição 55 3 58 5,2 2004 3.15.09 53
Luís Dionísio Santos 63 5 68 7,4 1992 2.54.00 52
Luís Pires 106 39 145 26,9 2002 3.00.43 168
Luís Sousa 98 12 110 10,9 1984 2.48.05 161
Luiz Mota 50 123 173 71,1 2008 2.34.20 187
Manuel Quelhas 12 55 67 82,1 2011 3.15.00 300
Mário Machado 65 36 101 35,6 1974 2.29.57 100
Mayer Raposo 42 15 57 26,3 2005 3.50.51 101
Paulo Quaresma 53 4 57 7,0 1989 2.57.13 50
Pedro Amorim 69 28 97 28,9 2003 3.00.34 147
Pedro Faria 45 22 67 32,8 2008 3.06.08 89
Pedro Neto 56 12 68 17,6 2006 3.45.38 89
Pedro Pires 47 52 99 52,5 2007 3.12.00 146
Rita Manso 50 18 68 26,5 2003 3.34.00 89
Rui Cabral 307 29 336 8,6 1982 2.52.00 89
Rui Julião 32 41 73 56,2 2010 2.57.54 170
Rui Pedras 53 72 125 57,6 2004 3.47.03 256
Sandro Jordão 12 43 55 78,2 2012 3.08.30 160
Teodoro Trindade 24 37 61 60,7 2011 3.39.40 144
Tiago Dionísio 450 169 619 27,3 1994 2.42.00 161
T O T A I S 3474 2406 5880

Deixar Resposta