Triplista Christian Taylor aposta nos… 400 metros!

0
297
Christian Taylor (USA)

O norte-americano Christian Taylor, duas vezes campeão olímpico (2012 e 2016) e três vezes campeão mundial de triplo-salto, especialidade na qual já chegou a 18,21 em 2015 (a oito centímetros do recorde mundial) e a 18,11 em 2017, não apostará no Mundial de pista coberta, a realizar em Birmingham, em março, e tem um objetivo especial nesta época de ar livre, na qual não haverá nem Jogos Olímpicos nem Campeonato do Mundo: pensa dedicar-se também aos… 400 metros.

Segundo o seu agente Paul Doyle, o atleta, de 27 anos, apostará no triplo na Liga de Diamante mas dedicar-se-á também à volta à pista, distância na qual conseguiu 45,17 em 2014 (ano também sem grandes competições a nível mundial) e fez parte da seleção dos Estados Unidos que ganhou os 4×400 m na Taça do Mundo de Estafetas. Taylor já havia sido campeão mundial júnior de 4×400 m em 2008 e tem como recordes pessoais ainda 10,61 aos 100 m e 20,70 aos 200 m.

Recorde-se que o recorde nacional de Vítor Ricardo Santos é de 45,74, bem acima dos 45,17 de Taylor…

Com a ausência de Taylor, o principal favorito no Mundial de pista coberta, se apostar na competição, passará a ser outro norte-americano, Will Claye (17,91 como melhor em 2017), até porque Pedro Pablo Pichardo, naturalizado português, não tem ainda autorização da IAAF, que “congelou” todas as mudanças de nacionalidade, para competir no Mundial. Outro norte-americano de primeiro plano é Chris Benard, com 17,48 em 2017. Recorde-se que Nelson Évora, campeão europeu de pista coberta, foi terceiro no Mundial de Londres’2017, com 17,19 (marca que o colocou como 13º do ano), e é naturalmente um candidato ao pódio em Birmingham. Até porque costuma atingir as suas melhores marcas nas grandes competições…

 

Deixar Resposta